Buscar
  • Nelson Martins De Freitas júnior

Automatização de condomínios, e sua importância


O avanço tecnológico esta cada dia mais presente em nossas vidas. A forma como trabalhamos e vivemos já esta completamente coberta por modernização, e os condomínios não podem ficar para trás neste progresso. A Automação condominial já se tornou algo prioritário para um condomínio, pois ela trás inúmeros benefícios na comunicação, trabalho e administração.

Sabendo desta necessidade, preparamos um artigo que pode ajudar você a entender melhor a necessidade de automatizar processos em seu condomínio, venha conosco e saiba mais sobre este assunto.

O que é automatização de condomínio

Apesar de parecer um termo um tanto quanto “moderninho”, automatização é algo bem simples: significa utilizar sistemas mecânicos e eletrônicos para aperfeiçoar o gerenciamento de algo. Basicamente, é utilizar as máquinas a nosso favor para agilizar e aprimorar a rotina do condomínio. São diversas as tecnologias que podem ser utilizadas – e a cada dia surgem novos métodos!

No momento, as práticas mais comuns de automatização são as seguintes:

  • Câmeras de segurança eletrônica

  • Softwares de gestão

  • Sistemas de controle da iluminação

  • Controle de acesso com QR codes e/ou biometria em portaria

  • Aplicativos de automatização de tarefas

  • Controle da bomba das piscinas

  • Centrais de segurança remota

  • Medição das pressões na tubulação de água

  • Controle de estoque de materiais de limpeza

  • Interligação dos equipamentos de segurança contra incêndio

  • Reconhecimento facial e de placa de veículos

  • Reserva online de salão de festas

  • Armazenamento de arquivos na nuvem

  • Catracas eletrônicas para estacionamentos

  • Portaria remota e portaria virtual para condomínios


Por que automatizar o condomínio?

Como explicamos, a tecnologia é uma aliada que pode proporcionar qualidade de vida, economia e maior segurança para os moradores. A automatização permite o controle e monitoramento do condomínio de forma mais eficaz, além de facilitar a administração financeira por parte do síndico e conselho fiscal. Separamos quais são as questões em que a automatização pode ajudar o seu condomínio:


Reduzir gastos

A economia resultada pela automatização do condomínio parte de duas circunstâncias: redução da equipe de funcionários e diminuição contas mensais. Portarias inteligentes para condomínio podem reduzir o valor da taxa condominial em até 50%, já que não há gastos com folha de pagamento, férias, contribuições previdenciárias e possíveis processos trabalhistas. Já centrais de segurança eletrônica e softwares de gestão permitem que o condomínio usufrua de um serviço especializado, porém terceirizado, sem a necessidade de investir em funcionários próprios.


O controle do sistema de iluminação, tubulações e bombas da piscina permite que os gastos sejam administrados conforme a necessidade do condomínio. Por exemplo, pode-se instalar sensores de movimentos no estacionamento, que ligam apenas quando há presença de alguém. Em garagens abertas e que recebem uma boa iluminação natural é possível programar que as luzes fiquem ligadas apenas das 18h às 8h, evitando um gasto de energia elétrica durante o dia. Assim, o condomínio consegue economizar um dinheiro que poderá ser investido em melhorias para os moradores.

Melhorar a segurança

Com a grande quantidade de roubos e arrastões, condomínios não têm poupado esforços para potencializar a segurança. A automação de portaria permite um controle do acessos de pessoas e veículos às dependências do condomínio, contando com equipamento de biometria, equipamentos de identificação facial que avisam quando há uma pessoa estranha dentro do empreendimento ou câmeras que reconhecem placas de carros, autorizando a entrada apenas de veículos cadastrados. Sistemas de portaria remota também trazem mais tranquilidade aos moradores, pois evitam a possibilidade de um porteiro ser rendido por bandidos.


Além disso, a prevenção contra incêndios no condomínio também pode ser beneficiada. Já existem no mercado mecanismos que conectam equipamentos como detectores de fumaça, alarmes, sistema de pressurização das escadas e as portas corta-fogo. Entretanto, sistemas de automação para condomínios não são completamente efetivos se não houver um treinamento da equipe de funcionários e uma conscientização dos moradores.

Lembre-se disso na hora do planejamento.

Faz parte do trabalho do síndico buscar novas formas de atuação e melhorias para a vida dos condôminos. Não deixe que o medo da tecnologia lhe impeça de fazer o melhor serviço possível!

2 visualizações